PESQUISAR NO GOOGLE

Faça sua busca aqui:
Pesquisa personalizada

PESQUISAR NO BLOG

30 de junho de 2013

Vida na Alemanha: Linguagem Não-Verbal

Entre o Brasil e a Alemanha não há muuuuitas diferenças de linguagem não-verbal, de forma que os brasileiros não pagam muitos micos por aqui com gestos obscenos. Em muitas partes do mundo isso pode ser um problema. Ouvi dizer que na Grécia, o sinal de SIM com a cabeça quer dizer "não". O nosso sinal de "legal" com o polegar também pode significar outras coisas em outros países.

O brasileiro tem uma linguagem gestual muito rica, o que pode deixar um estrangeiro meio perdido.

Algumas diferenças gestuais entre Brasil e Alemanha:

1) LOUCO: Para demonstrar que alguém é louco, não diz coisa com coisa, não bate bem das bolas no Brasil, é normal que se gire o dedo indicador na posição horizontal pertinho da orelha.

Aqui na Alemanha, se põe a palma da mão aberta virada para o rosto cobrindo os olhos, mas sem encostar no rosto e se faz um movimento rápido para cima e para baixo algumas vezes.  Ou então bate-se com a ponta do dedo indicador ao lado da cabeça.

Uma expressão para dizer "Ele não bate bem das bolas" ou "Ele tem um parafuso a menos" é "Er hat nicht alle Tassen im Schrank" (ao pé da letra: ele não tem todas as xícaras no armário).

2) NÚMEROS: Os alemães contam com as mãos de forma diferente da maioria dos brasucas. Eles começam contando com o polegar, e vão passando pelo dedo indicador (2), médio (3) etc. Os brasileiros costumam começar a contar com o indicador. Uma prova disso é o famoso slogan da cerveja Brahma, a número 1.

Essa diferença na contagem com as mãos rendeu uma boa ideia pro filme "Inglorious Bastards" do Tarantino (filmo que, por sinal, é muuuuito bom... recomendo bastante, além de ter inúmeros diálogos em alemão).

Numa das cenas, um escocês que fala alemão tenta se passar por um soldado nazista. Num dado momento ele pede três doses de whisky e faz o três do jeito escocês (que é igual ao jeito brasileiro). O soldado nazista percebe neste momento que está de frente a um farsante. Assim começa um tiroteio. Apesar de a cena parecer muito exagerada, todos os meus amigos alemães que viram o filme disseram que perceberam a gafe do escocês assim que ele levanta a mão.

Vejam a cena:


E você? Já parou pra pensar como você faz o número 3 com a mão?

Para aprender os nomes dos dedos em alemão, clique aqui.

3) BEIJINHOS: Os alemães não costumam se cumprimentar com beijos e abraços. Nem mesmo aqueles dois ou três beijinhos no ar... xiii... são coisa rara. A maioria dos alemães que conheço que se beijam ao se cumprimentar aprenderam isso em outros países ou com pessoas de outros países. Os cumprimentos, apesar de calorosos aqui, são mais restritos ao mero aperto de mão. Os abraços ficam para os amigos muito próximos ou pessoas que não se veem há muito tempo, mas que são amigos.

Como muitos brasileiros acham isso um pouco frio, os alemães acabam se acostumando a cumprimentar dando beijinhos e/ou abraços em brasileiros, mas como falei antes, isso é um costume adquirido de outros países. No geral, um "Hallo" e um aperto de mão é o que acontece por aqui.

Para dizer "Prazer em conhecê-lo", clique aqui.

4) SINAL DE LEGAL: Apesar do símbolo do Facebook, minha experiência com o polegar estendido aqui na Alemanha me leva a crer que os alemães não conseguem interpretar esse sinal. Todas as vezes que eu estendi meu polegar em sinal de aprovação, os alemães me olharam com uma cara de "O que você tá fazendo?" e uma vez ouvi de um deles "Continue fazendo esse seu gesto aí, quem sabe alguém te note" (era novo na Alemanha, estávamos num restaurante e eu estava tentando chamar a atenção do garçom, bem num estilo brasileiro, mas sem assoviar). Depois de diversas caras de "Ei, aqui ninguém faz esse gesto aí", abandonei-o.

Existe um dicionário de linguagem gestual à venda na Alemanha com significados de gestos em diversos países do mundo. Quer comprar? Clique aqui.

Você tem mais experiências com linguagem gestual ou não-verbal na Alemanha, Áustria ou Suíça? Você discorda de alguma informação escrita aqui? Compartilhe suas histórias conosco aqui nos comentários. Podemos acrescentá-la aqui no tópico. 

24 de junho de 2013

Guardiola falando alemão

Há umas semanas postei no facebook o link para uma reportagem dizendo que o novo técnico do Bayern de Munique tem estudado alemão como louco. Para a reportagem, clique aqui.

Imaginem vocês nesta situação: ter que aprender alemão em tempo recorde para dar a cara a tapa numa coletiva de impressa (numa não, em várias!).

Sabemos que muitos jogadores e treinadores de futebol não são os melhores falantes de idiomas. Há vários exemplos disso.

Hoje, 24 de junho, ele deu as primeiras declarações em alemão.
Mas o que vocês acham do resultado dele no rápido tempo de estudo?




Wise Guys - Sommer

Esta não é a primeira música do grupo Wise Guys que eu posto aqui.

Pra quem não sabe, eles são um grupo de música "a capella" daqui da Alemanha de muito sucesso. Suas letras são geralmente bem humoradas e a pronúncia deles é impecável. Ótimo para ouvir bem o alemão através da música.

Aqui vai a música que retrata perfeitamente o verão alemão.



Sonnenbrille auf und ab ins Café,
wo ich die schönen Frau'n auf der Straße seh.
Dann 'n Sprung mitten rein in den kalten Pool
und 'n Caipirinha - ziemlich cool!
Sonnenmilch drauf und ab zur Liegewiese,
wo ich für mich und Lisa eine Liege lease.
Wir lassen uns gehn und wir lassen uns braten -
alles And're kann 'ne Weile warten...
Und wenn nix draus wird wegen sieben Grad,
dann kippen wir zu Haus' zwei Säcke Sand ins Bad.
Im Radio spielen sie den Sommerhit -
wir singen in der Badewanne mit:

Jetzt ist Sommer!
Egal, ob man schwitzt oder friert:
Sommer ist, was in deinem Kopf passiert.
Es ist Sommer!
Ich hab das klar gemacht:
Sommer ist, wenn man trotzdem lacht.


Sonnendach auf und ab ins Cabrio,
doch ich hab keins, und das ist in Ordnung so,
weil der Spaß daran dir schnell vergeht,
wenn's den ganzen Sommer nur in der Garage steht.
Manchmal, wenn ich das Wetter seh',
krieg ich Gewaltfantasien, und die Wetterfee
wär' das erste Opfer meiner Aggression,
obwohl ich weiß: Was bringt das schon,
wenn man sie beim Wort nimmt und sie zwingt,
dass sie im Bikini in die Nordsee springt?
Ich mach' mir lieber meine eig'ne Wetterlage,
wenn ich mir immer wieder sage:

Jetzt ist Sommer!
...


Ich bin sauer, wenn mir irgendwer mein Fahrrad klaut.
Ich bin sauer, wenn mir einer auf die Fresse haut.
Ich bin sauer, wenn ein And'rer meine Traumfrau kriegt
und am Pool mit dieser Frau auf meinem Handtuch liegt.

Doch sonst nehm' ich alles ziemlich locker hin,
weil ich mental ein absoluter Zocker bin:
Ich drücke einfach auf den kleinen grünen Knopf
und die Sonne geht an in meinem Kopf:

Jetzt ist Sommer!
...
Ab ins Gummiboot -
der Winter hat ab sofort Hausverbot!
...
Scheiß aufs Wetter, egal ob man friert:
Sommer ist, was in deinem Kopf passiert.
Es ist Sommer!
...


(Texto retirado da página oficial do Wise Guys: http://wiseguys.de/songtexte/details/jetzt_ist_sommer/)

20 de junho de 2013

Quero (e posso) Aprender Alemão

Gente, assistam a esse vídeo "motivacional" de um rapaz contando sobre seu projeto de aprender alemão em um ano. Já falei várias vezes sobre vocês gravarem vocês falando alemão para ouvir depois no futuro. É muito legal. :-)



Dica do leitor Alcir Saraiva

19 de junho de 2013

♫ Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch ♫

Musiquinha para aquelas frases básicas de todos chegando à Alemanha...

Ausländer = estrangeiro
langsam = devagar



Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch.
Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch.
Bitte langsam, bitte langsam
Bitte sprechen Sie doch langsam
Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch!

Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch.
Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch.
Ich verstehe nicht, was Sie sagen
Ich verstehe nicht, was Sie sagen
Ich bin Ausländer und spreche nicht gut Deutsch!

16 de junho de 2013

Musik - Sportfreunde Stiller

Letra no próprio vídeo:

1) Applaus, Applaus



2) 54, 74, 90, 2010 (Música feita para a Copa do Mundo de 2006 e reaproveitada para a Copa de 2010)


Eins und zwei und drei und 54,74,90,2010
ja so stimmen wir alle ein.
Mit dem Herz in der Hand und der Leidenschaft im Bein
werden wir Weltmeister sein.

Wir haben nicht die höchste Spielkultur,
sind nicht gerade filigran,
doch wir haben Träume und Visionen
und in der Hinterhand 'nen Masterplan.

Für unseren langen Weg aus der Krise
und aus der Depression
lautet die Devise
Nichts wie rauf auf den Fußball...

Eins und zwei und drei und 54,74,90,2010
ja so stimmen wir alle ein.
Mit dem Herz in der Hand und der Leidenschaft im Bein
werden wir Weltmeister sein.

Die ganze Welt greift nach dem goldenen Pokal
Am Kap der guten Hoffnung probieren wir's nochmal
Wir als Gast in Südafrika
Wird unser Traum dann endlich war?

Eins und zwei und drei und 54,74,90,2010
ja so stimmen wir alle ein.
Mit dem Herz in der Hand und der Leidenschaft im Bein
werden wir Weltmeister sein.

Beim ersten Mal war's ein Wunder,
beim zweiten Mal war's Glück,
beim dritten Mal der verdiente Lohn
Und das nächste Mal wird's ne Sensation

Eins und zwei und drei und 54, 74, 90, 2010
ja so stimmen wir alle ein.
Mit dem Herz in der Hand und der Leidenschaft im Bein
werden wir Weltmeister sein.

54, 74, 90, 2010
ja so stimmen wir alle ein.
Mit dem Herz in der Hand und der Leidenschaft im Bein
werden wir Weltmeister sein.

7 de junho de 2013

Perfekt com "haben" ou "sein"? Die Qual der Wahl!


"Este blog foi um achado! Parabéns e muito obrigado!

Afinal, quais verbos fazem o imperfeito com "sein"?
Já vi livros ensinando que seriam os verbos de movimento ("kommen", "fahren", "fliegen", "aufstehen" usw.).
Meu professor disse que além disso, devem também ser intransitivos! E dá como contra-exemplos "setzen", "legen" e "stehen", que são de movimento, porém fazem o imperfeito com "haben", pois são transitivos!
Você poderia explicar isto?
Danke!"

Olá, leitores do blog,

vamos responder a esta pergunta!!!

Perfekt com "haben" ou "sein"?

Antes de qualquer coisa cabe fazer uma pequena correção. Você se refere ao PERFEITO (Perfekt) e não ao Imperfeito :-)

O Perfekt é um tempo verbal formado por um verbo auxiliar (haben OU sein) e o particípio passado (Partizip II) do verbo principal. Eu já fiz um tópico sobre como formar o Partizip II. A questão agora é saber se o verbo auxiliar é HABEN ou SEIN.

Eu gosto sempre de comparar com o português pra ver se todo mundo entende bem que verbo auxiliar é o equivalente. Essa questão do verbo auxiliar mais o particípio passado é comum em várias línguas indoeuropeias. E em várias línguas românicas há também a possibilidade (assim como no alemão) de se ter dois verbos auxiliares. Não é o caso do português...

Na maioria dessas línguas os verbos de DESLOCAMENTO (e não de MOVIMENTO) são colocados numa categoria diferente. Por isso eu vou dar sempre dois exemplos, um com um verbo de DESLOCAMENTO e outro exemplo com um verbo qualquer.

Português: TER + Particípio passado:
ELE JÁ TINHA IDO PRA CASA.
ELE JÁ TINHA BEBIDO O VINHO.

Inglês: HAVE + P.PASSADO.
HE HAD ALREADY GONE HOME.
HE HAD ALREADY DRUNK THE WINE.

Espanhol: HABER + P.PASSADO
ÉL YA HABÍA IDO A CASA.
ÉL YA HABÍA BEBIDO EL VINO.

Em francês e italiano há também duas possibilidades de verbo auxiliar (se houver erros nos exemplos, favor corrigir, meu francês/italiano não são perfeitos rsrsrs) :-)

Em francês:  ÊTRE/AVOIR + P.PASSADO.
IL ÉTAIT DÉJÀ ALLÉ CHEZ LUI.
IL AVAIT DÉJÀ BU DU VIN.

Italiano: ESSERE/AVERE + P.PASSADO
LUI ERA GIÀ ANDATO A CASA.
LUI AVEVA GIÀ BEVUTO DEL VINO.

Em alemão acontece o mesmo que o em francês/italiano.
ER WAR SCHON NACH HAUSE GEFAHREN.
ER HATTE SCHON DEN WEIN GETRUNKEN.

Nos exemplos acima, usei o Mais-Que-Perfeito (Plusquamperfekt), mas as regras na hora da escolha do verbo auxiliar são as mesmas das do Perfekt.

Vamos a algumas regras infalíveis, depois dou algumas dicas finais:

Regra 1: Todos os verbos reflexivos formam o Perfekt com o verbo HABEN
sich ändern (mudar) - Das hat sich geändert. (Isso mudou)
sich erinnern (lembrar-se) - Ich habe mich nicht an sie erinnert. (Não me lembrei dela)

Atentem para o seguinte: em francês neste caso é usado o verbo "être", mas em alemão "haben".
Ele lavou as mãos. (vou usar o verbo reflexivo "sich etwas waschen")
Francês: Il s'est lavé les mains.
Alemão: Er hat sich die Hänge gewaschen.

Mais sobre verbos reflexivos, clique aqui.

Regra 2: Todos os verbos com objeto direto no acusativo formam o Perfekt com o verbo HABEN, (mesmo que indiquem deslocamento). 
Aha!!! Os verbos de deslocamento geralmente são usados com "sein", mas caso o verbo tenha um objeto direto - ou seja, sem preposição - no acusativo, tudo muda.

Exemplos: (vou usar o verbo "fahren", que quer dizer "ir" (com um veículo), mas também "dirigir", "conduzir" (um veículo))

a) Ich bin mit dem Auto nach Hause gefahren.
Fui para casa de carro.

No exemplo A usa-se "sein" pois o verbo indica deslocamento de um lugar A para um lugar B. Além disso é intransitivo.

b) Ich habe meine Mutter nach Hause gefahren.

Neste caso, usa-se "haben" pois "fahren" aqui tem o sentido de levar alguém num veículo para algum lugar. Mesmo com o sentido de deslocamento, há um objeto direto (Você levou quem? - "meine Mutter"). Se houver um objeto direto no acusativo na oração, usa-se SEMPRE "haben".

Observe que você também poderia dizer: Ich bin mit meiner Mutter nach Hause gefahren. Neste caso, usa-se o "sein", pois você usou um verbo intransitivo "ir" - Fui com a minha mãe.

c) Ich habe das Auto gefahren.

Aqui "fahren" tem o sentido de dirigir. (Dirigir o quê? - "O carro"). A diferença entre o exemplo A e C é que aqui nós temos um objeto direto no acusativo que complementa o verbo "fahren" (dirigir). Objeto direto = BINGO!!!! Verbo auxiliar "haben".

É claro que essa mesma regra vale para verbos mais fáceis, como:

Ich habe eine Pizza gegessen. (Comi uma pizza)
Er hat einen Film gesehen. (Ele viu um filme)

O motivo é o mesmo: usa-se "haben" porque tem um objeto direto no acusativo.

Quer saber mais sobre o verbo "fahren", clique aqui.
Quer saber mais sobre o acusativo / objeto direto, clique aqui.

Regra 3: Todos os verbos modais e todos os verbos que significam "estar sentado/deitado/parado etc." formam o Perfekt com HABEN

Os verbos modais formam sempre o Perfekt com o auxiliar "haben". Às vezes eles vêm acompanhados do Partizip II, outras vezes do Infinitivo. Mas como o tópico aqui é apenas para saber se se usa "haben" ou "sein", vou me concentrar nesta informação: com os modais, sempre "haben".

Ich mag ihn. (Gosto dele)
Ich habe ihn nie gemocht. (Nunca gostei dele)

Outra hora faço um tópico apenas com o passado dos modais.

Eu expliquei num tópico sobre como os verbos em alemão que indicam posições estáticas. São cinco verbos: stehen, liegen, sitzen, hängen e stecken. (Mais informações aqui)

Bem, o Perfekt deles é, no alemão padrão, sempre com "haben".

stehen: Er hat gestanden - Ele estava em pé/parado
liegen: Er hat gelegen - Ele estava deitado
sitzen: Er hat gesessen - Ele estava sentado
hängen: Er hat gehangen - Ele estava pendurado
stecken: Er hat gesteckt - Ele estava enfiado/metido (em algum lugar).

Bem, no sul da Alemanha, na Áustria e Suíça, pode ser que se ouçam esses mesmos verbos sendo usados com "sein"- Er ist gestanden, Er ist gelegen, Er ist gesessen. As gramáticas consideram estas formas corretas, caso você more nestas regiões. São chamadas de "padrão austríaco" ou "padrão sul-alemão". Mas se houver uma questão de uma prova do curso, como nos cursos é comum o ensino apenas do "Hochdeutsch" (que é a variante do Norte), sugiro usarem sempre "haben".

As regras do uso de "SEIN" não são regras 100% infalíveis, mas apenas dicas que dão certo em muitos e muitos casos.

Dica 1: Verbos intransitivos que indiquem o deslocamento de um lugar e/ou para um lugar formam o Perfekt com o auxiliar SEIN.

A palavra DESLOCAMENTO é muito importante, muitos falam de MOVIMENTO. Uma pessoa pode se movimentar, mexer mãos, balançar as pernas e os braços sem sair do lugar. Os verbos a que nos referimos são aqueles que indicam que uma pessoa saiu de um lugar e/ou foi para outro lugar.

Wir gehen nach Hause. (Nós vamos para casa)
Wir sind nach Hause gegangen. (Nós fomos para casa)

Há verbos em que existem as duas possibilidades, dependendo do que você queira enfatizar. Vamos tomar o exemplo do verbo "schwimmen" (nadar).

Ele nadou na piscina.
Er hat im Schwimmbad geschwommen. (Usei haben pois quis enfatizar apenas o ato de nadar). Mas usar "sein" também não estaria errado.

Ele nadou até a outra margem.
Er ist ans andere Ufer geschwommen. (Aqui só dá para usar sein, pois o foco é no deslocamento - até a outra margem)

Alguns alunos fazem confusão com os verbos que querem dizer "pôr, colocar", mencionados aqui.

O professor colocou o livro na mesa.

Como expliquei no tópico, há um deslocamento do livro de um lugar até a mesa e é por isso que se usa o acusativo com as preposições. Se há um deslocamento, o verbo pede o auxiliar sein, correto?

Nããããão!!! Por quê?
Observem que com esses verbos sempre vai haver um objeto direto no acusativo. Colocou o quê? O livro. Verbos com objeto direto no acusativo SEMPRE têm o Perfekt feito com haben, independente do sentido de deslocamento ou não.

Der Lehrer hat das Buch auf den Tisch gelegt.

Dica 2: Verbos intransitivos que indicam uma mudança de estado (começo, desenvolvimento ou fim de um processo) fazem o Perfekt com sein

aufwachen (acordar)
Er ist aufgewacht. (Ele acordou)

A pessoa estava dormindo e ACORDA. Houve uma mudança de estado.

einschlafen (adormecer)
Er ist eingeschlafen. (Ele adormeceu / pegou no sono)

"Adormecer" é um processo completo que vai desde o ficar cansado até o dormir, propriamente dito.

sterben (morrer)
Er ist gestorben. (Ele morreu)

"Morrer" é o fim de um processo: a vida. É também uma mudança de estado, a pessoa deixa de estar viva, para estar morta.

werden (tornar-se)
Er ist Lehrer geworden. (Ele se tornou professor)

O verbo " tornar-se"  já indica, por si só, uma mudança. Quem se torna algo, era outra coisa antes.

E por que o verbo "schlafen" é usado com "haben" sendo que "einschlafen" é usado com "sein"?

O verbo "schlafen" não indica nenhuma mudança de estado. É o ato de dormir, em si. A mudança de estado é indicada pelo verbo "einschlafen" (adormecer). Esse é o verbo que indica que a pessoa estava acordada e foi caindo no sono até dormir. A gente pode entender que "schlafen" é "estar dormindo"... é estar neste estado.

Er hat geschlafen. (Ele estava dormindo, ele dormia)
Er ist eingeschlafen. (Ele adormeceu)

Dica 3: Os verbos "sein" e "bleiben" formam o Perfekt com "SEIN". 

Contrariando toda a lógica das dicas anteriores, o verbo "sein" (ser/estar) e o verbo "bleiben" (ficar) formam o Perfekt com o verbo "sein", mesmo que não indiquem deslocamento nem mudanças.

Ele ficou em casa - Er ist zu Hause geblieben.
Ele estava em casa. - Er ist zu Hause gewesen.

No francês, o verbo "être" forma o passado com "avoir" "J'ai été". Ou seja, o uso de "sein/haben" no alemão tem algumas coincidências, mas é diferente dos usos no francês ou italiano.

Dica FINAL: Há mais verbos com HABEN do que verbos com SEIN

Sendo assim, se você ficar nervoso(a) durante uma conversa e esquecer todas as dicas e regras, tente usar o "haben"... quase sempre vai dar certo. Se for errado alguém vai te corrigir, caso necessário. É claro que essa dica final não vai te ajudar pra prova de alemão nem pro teste de proficiência, nem mesmo pro trabalho da faculdade. Neste caso o jeito é estudar o que explicamos aqui.

Para saber mais como se forma o Partizip II, usado nos tempos Perfekt e Plusquamperfekt, clique aqui.

Gostou do que leu aqui? Então divulgue o blog.

Só avisando que esse tópico não é um estudo completo de todos os verbos possíveis, mas são dicas que já dão uma luz para quem está aprendendo o idioma. É claro que há explicações muito mais complexas e análises muito mais profundas dos usos de "haben" e "sein", mas estas eu deixo para os linguistas e não para quem está apenas aprendendo o idioma com o objetivo de se comunicar.

6 de junho de 2013

♫ Gute Nacht, Freunde ♫



Eu adoro essa música de Reinhard Mey, que é um cantor famosíssimo na Alemanha desde os anos 70.

E essa música também é um clássico, conhecida em vários países europeus.

Para ouvir, é só clicar no símbolo do Play :-)
Gute Nacht Freunde by Reinhard Mey on Grooveshark

Gute Nacht, Freunde

Gute Nacht Freunde, es wird Zeit für mich zu geh'n.
Was ich noch zu sagen hätte, dauert eine Zigarette
und ein letztes Glas im Steh'n.

1.Für den Tag, für die Nacht unter eurem Dach, habt Dank
für den Platz an eurem Tisch, für jedes Glas, das ich trank,
für den Teller, den ihr mir zu den euren stellt,
als sei selbstverständlicher nichts auf der Welt.

Gute Nacht Freunde, es wird Zeit für mich zu geh'n.
Was ich noch zu sagen hätte, dauert eine Zigarette
und ein letztes Glas im Steh'n.

2.Habt Dank für die Zeit, die ich mit euch verplaudert hab'
und für eure Geduld, wenn's mehr als eine Meinung gab,
dafür, dass ihr nie fragt, wann ich komm' oder geh',
für die stets offene Tür, in der ich jetzt steh'.

Gute Nacht Freunde, es wird Zeit für mich zu geh'n.
Was ich noch zu sagen hätte, dauert eine Zigarette
und ein letztes Glas im Steh'n.

3.Für die Freiheit, die als steter Gast bei euch wohnt,
habt Dank, dass ihr nie fragt, was es bringt, ob es lohnt,
vielleicht liegt es daran, dass man von draußen meint,
dass in euren Fenstern das Licht wärmer scheint.

Gute Nacht Freunde, es wird Zeit für mich zu geh'n.
Was ich noch zu sagen hätte, dauert eine Zigarette
und ein letztes Glas im Steh'n.

5 de junho de 2013

"Hallo" und "Tschüss"

Um vídeo explicando as várias formas de se cumprimentar alguém em alemão:


E agora um vídeo explicando de onde vem a palavra "Tschüss" :-)

1 de junho de 2013

Hallo aus Berlin

Vocês conhecem essa série superantiga para se aprender alemão? É tão antiga que as pessoas nem tinham celular e o Euro ainda nem exisita... hehehe

In der Stadt - Na cidade



Unser Berlin - Nossa Berlim



Zu Hause - Em casa



Schule - Escola



Gesundheit - Saúde



Freizeit - Lazer



Ferien und Feste - Férias e Festas



Familie - Família



Essen und Trinken - Comer e Beber

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...