PESQUISAR NO GOOGLE

Faça sua busca aqui:
Pesquisa personalizada

PESQUISAR NO BLOG

20 de maio de 2009

O caso dativo


Depois de explicado o NOMINATIVO e ACUSATIVO, chegou a vez do DATIVO.

VAMOS PRIMEIRO ÀS FORMAS!

Todos os artigos são alterados no dativo.

SINGULAR:
Masculino e neutro são sempre iguais, sempre terminando em -EM. Artigo definido: dem, einem, keinem, meinem, deinem etc.
Feminino singular, sempre terminando em –ER: der, einer, keiner, meiner, deiner etc.

PLURAL:
Como sempre, o plural só tem uma forma para todos os gêneros e esta termina em –EN. Ou seja: den, keinen, meinen, deinen etc.

Mas acontece um pequeno problema. O substantivo também recebe a terminação –N. Eu costumo chamar o caso do –N, pois tudo termina em –N. Vamos recapitular os plurais. Há diversas formas de se formar o plural. Pois é.. no dativo plural não esqueça de acrescentar mais um –N ao plural que você já aprendeu.

Ex.:
NOMINATIVO
a mesa = der Tisch
as mesas = die Tische

ACUSATIVO
a mesa = den Tisch (só o masculino se altera, lembram?)
as mesas = die Tische (feminino e neutro singular e plural de todos os gêneros ficam iguais ao nominativo).

DATIVO
à mesa = dem Tisch (masculino e neutro singular termina em –EM)
às mesas = den Tischen (plural de todos os gêneros terminam em –N, inclusive o próprio substantivo tem que terminar em –N).

É claro que se o plural já terminar em –N, não precisa acrescentar nada. Vou dar um exemplo para cada forma de plural.

NOM. SINGULAR
NOM. PLURAL
DATIVO PLURAL
der Mann
die Männer
den Männern
der Tisch
die Tische
den Tischen
das Bild
die Bilder
den Bildern
die Hand
die Hände
den Händen
die Frau
die Frauen
den Frauen
die Blume
die Blumen
den Blumen
der Lehrer
die Lehrer
den Lehrern
der Apfel
die Äpfel
den Äpfeln
das Auto
die Autos
den Autos

Como deu pra perceber na tabela, os que fazem plural em –S não recebem o –N do dativo plural, pois a palavra fica meio impronunciável.

Os pronomes pessoais nos três casos:

Nom
Akk
Dat
ich
mich
mir
du
dich
dir
er
ihn
ihm
sie
sie
ihr
es
es
ihm
wir
uns
uns
ihr
euch
euch
sie
sie
ihnen
Sie
Sie
Ihnen

Se vocês prestarem atenção à tabela, verão que a lógica é a mesma... o masculino é igual ao neutro, terminando em –M (ihm), o feminino termina em –R (ihr), o plural termina em –N (ihnen). Já no acusativo o único que muda é o masculino (ihn). O feminino e neutro singular (sie, es) e o plural do acusativo (sie) são iguais ao nominativo. Ou seja, a “lógica” que é usada para as outras palavras é a mesma.

VAMOS AGORA AO USO:
O dativo equivale, em geral (leia-se EM GERAL), ao nosso OBJETO INDIRETO... Em verbos bitransitivos isso funciona quase sempre. Ou seja.. algo PARA ALGUÉM. Esse “para alguém” fica no caso dativo. Por exemplo:

Eu dei o livro para minha mãe.
Ich habe meiner Mutter das Buch gegeben.
Dei o quê? O LIVRO. “o livro” fica no ACUSATIVO, pois é o objeto direto do verbo.
Para quem? PARA MINHA MÃE. “para minha mãe” fica no DATIVO, SEM PREPOSIÇÃO, pois o caso já exprime a idéia da preposição.

Mais exemplos:
Er hat seinem Vater ein Auto gekauft. (Ele comprou um carro para seu pai). (Um carro pra quem?)
Ich schreibe meinen Kindern einen Brief. (Eu estou escrevendo uma carta para meus filhos). (uma carta para quem?)

Quando houver dois complementos, um no acusativo e outro no dativo, em geral, o dativo vem primeiro.

VAMOS ÀS EXCEÇÕES!

Lembrem-se de que há exceções. O verbo FRAGEN (perguntar), por exemplo.
Ele perguntou algo ao professor.
Er hat den Lehrer etwas gefragt.
Perguntou o quê? ALGO. “Algo” fica no ACUSATIVO.
A quem? AO PROFESSOR. Teoricamente AO PROFESSOR ficaria no dativo. Mas eu já mencionei no post sobre acusativo que FRAGEN exige ACUSATIVO.. então AO PROFESSOR fica no acusativo tbm (no caso, DEN LEHRER).

É muito problemático dizer que o DATIVO sempre equivale ao nosso objeto indireto, pois há muitos casos em que isso não é verdade. O verbo HELFEN (ajudar) é outra exceção clássica. Em Português: EU AJUDO A MULHER. (objeto direto: A MULHER).. Teoricamente deveria ficar no acusativo, mas em alemão HELFEN exige DATIVO. “A mulher” fica no DATIVO.
Ou seja: Ich helfe DER Frau. (Eu ajudo a mulher).

MAIS USOS!

Algumas preposições pedem SEMPRE o uso do DATIVO.
As principais são: AB, VON, AUS, ZU, AUSSER (escrito außer), MIT, BEI, SEIT, GEGENÜBER, NACH.

Ex.: Ich arbeite mit drei Männern und mit nur einer Frau.
(Eu trabalho com três homens e apenas uma mulher).
Seit letztem Jahr wohne ich bei meinem Bruder.
(Desde o ano passado estou morando na casa do meu irmão).
Ich komme aus den Niederlanden. (Eu venho dos Países Baixos)
Nach der Schule lege ich mich einfach hin. (Depois da escola eu apenas me deito).

É claro que ainda tem muito a ser dito.. mas deixo este post por aqui. Espero os comentários e as dúvidas de vocês.

Até mais

CLIQUE AQUI:
5 - Genitivo
GENITIVO

39 comentários:

  1. Confesso que já pensei em desistir de alemão justamente por causa das declinações (no meu colégio a gente estudava latim tbm e as declinações acabavam comigo)mas vendo a coisa por um outro ângulo, com um pouco mais de carinho, a gente percebe que o diabo nem é tão feio qto parece... Valew!! Ah! sugiro o para os acompanhantes do blog o site
    www.deutsch-lernen.com. Tem me ajudado bastante.

    ResponderExcluir
  2. olá...é a primeira vez que entro no seu blog....e achei um máximo...
    estudei alemao por 9 anos, mas faz 5 anos q nao vejo maaaaiisss nada de alemao....
    estudei no colégio e quando me formei.... fui direto pra facul deixando de lado o alemao.

    Adorei sua explicacao de akk/dativ/nominativ..... eh mto util isso... nunca consegui entender direito isso.... mas lendo a sua explicacao...parece q tudo fica fácil... ;)

    vou tentar retomar minhas aulas de alemao em breve. sinto falta de falar esse idioma maravilhoso.

    Auf Wiedersehen!!

    Clarice Petriw
    clarice_petriw@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. olaaaaaaaaaaa
    seu blog tem me ajudado muiiiiito...to aqui em berlin ha 3meses ...ja evolui..mas tem horas q bate um desanimo com esse idioma...

    ResponderExcluir
  4. Frau Schmidt,

    Desculpe-me por não ter dado atenção tempestiva ao seus posts. Quero apenas dizer que sua explicação é incrivelmente didática e fácil de entender. Meus parabéns. Veja que meu nome é José Dativo! Eu o recebi de meu pai que também era Dativo. Sempre fiquei intrigado com este nome. Somente na fase adulta é que conheci os seus vários significados, inclusive, o caso do objeto indireto em Latim, Grego e Alemão, línguas de declinação poderíamos dizer. Eu cheguei a estudar Latim no ginásio no início da década de 1960.

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Estou com algumas dúvidas sobre verbos no dativo e acusativo, e a prova final de alemão na faculdade será na segunda feira 08/06... rs..
    Eu enviei uma mensagem para o seu gmail, espero que você possa me socorrer a tempo!!!
    Obrigada!
    Bjos!
    Grazy Paviani

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    achei super util seu blog

    e queria que postasse mais vezes se possivel,
    é que tenho que aumentar meu vocabulario de alemão ate o fim de setembro
    =D
    danke

    BisDann

    ResponderExcluir
  7. vielen danke! wunderbar! agora aprendo de vez

    abração

    parabéns

    ResponderExcluir
  8. maravilhosa e suscinta explicaçao! como vc consegue ser direto sem perder os detalhes, isso é incrível! obg mais uma vez! lis neeser!

    ResponderExcluir
  9. Ótima explicação, tinha uma prova e não sabia de nada,não sabia a quem recorrer... Achar quem saiba alemão no Ceará é bem difícil. Daaaaanke!

    ResponderExcluir
  10. Oi

    Excelente explicação. Estudo alemão há mais de 1 ano. Sou autodidata. Estive esse tempo todo estudando gramática e escrevendo bastante para memorizar. Só agora resolvi praticar conversação. Foi assim que aprendi inglês. A única diferença é que quando estava aprendendo ingles nao tinha curso online gratuito. EStou praticando conversação numa rede social de intercâmbio de línguas bastante séria que é o fluentfuture.com. Recomendo a todos conversar com um nativo da língua. Naturalmente que uma explicação como esta deste blog "não tem preço" :)
    http://www.fluentfuture.com

    ResponderExcluir
  11. nossa... que explicação fantástica!
    muito obrigada!

    agora sim eu aprendi!

    ResponderExcluir
  12. Olá

    Hoje é o primeiro dia que entro no site e posso dizer que dentre todos é o que mais me esclareceu em muitos pontos que me sinto confuso na língua alemã. Posso dizer que sou muito racional e é muito difícil pra mim que uma escola ou um professor me faça entender vários tópicos da língua, porém é muito difícil pra mim (td tem q ter um pq).
    Vc está de Parabéns, com um ótimo blog, mto lógico e direto. Continue postando.

    PS: neste tópico fiquei mto satisfeito com o comentário sobre o verbo FRAGEN+akk. Agora sobra-me mais uma grande dúvida sobre verbos: nesta frase, pq utilizo akk? "Meine Brille ist ins Wasser gefallen". Sei que o verbo é de movimento e tal, mas o objeto já caiu na água, está lá dentro parado, ou seja, a pergunta seria "Wo", ou não?

    Danke!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O verbo fallen indica deslocamento, mesmo no passado. O óculestá na água agora, mas você enfatizou o movimento que ocorreu. No momento que o óculos caiu, ele estava em movimento. No passado ele se deslocou (Perfekt mit sein).
      Da mesma forma: Ich gehe ins Kino...Ich habe ins Kino gegangen.

      Nesse caso, in exige o acusativo, ele tem um sentido mais próximo de "ao", (Eu vou ao cinema, e não "Eu vou no cinema").
      Agora, in com sentido de em/no exige o dativo.
      Ich bin im Kino.
      Espero ter ajudado :)

      Excluir
  13. ???
    Obrigada, você me ajudou bastante c
    com suas explicações.

    ResponderExcluir
  14. Opa blz??!?!!
    Achei seu blog por acaso e estou adorando. Muito bem feito o Negocio.
    teria algumas criticas construtivas a fazer mas no geral alem de ter me ajudado...tambem vou indica-lo pra outras pessoas.
    To aqui em Niedersachsen estudando na Volkshochschule de Oldenburg e to com dificuldade tb nesse lance do Akk, Dat e Nom. o problema eh perceber eles na frase e nem tanto o modo como eles mudas as preposicoes artigos etc.
    Eu ate perguntaria sugerindo a voce se NAO existe uma forma de traducao do masculino e femi nino baseado no modo e no porque que os alemaes usam artigos masculinos em nomes femininos e por ai vai?
    talvez entendendo como eles pensam ou pensaram pra aplicar a regra, possamos entender de vez e ja pensar diretamente do jeito deles.
    um exemplo ficticio : O GALINHA É BRANCA.
    Porque eles acham que a galinha eh O galinha? eles pensam em genero, numero ou grau na hora de dizer se eh feminino ou masculino ou neutro?
    o que parece eh que eh um GRANDE cabaré nessa gramatica alema em que todos sao Bissexuais ou algo do tipo.
    ahahahahahahaha Pois toda hora mudam de sexo ou ficam INvisiveis.
    Bom era isso.
    AH.. ja ia esquecendo.. essa parte das tabelas ou das explicacoes das declinacoes e etc seria bom se fossem postas de um jeito diferente. um jeito mais visual .
    Mais tabela e menos texto. ou pelo menos um pouco mais de tabela(Visual).
    Obrigado de novo
    JP

    ResponderExcluir
  15. Olá, muito legal seu blog. Moro na Alemanha e estou estudando alemão aqui, o problema é entender tudo porque as aulas são só em alemão. Achei aqui um lugar pra tirar minhas dúvidas !

    ResponderExcluir
  16. Caracoles!! Faz 2 anos que ando atras desse post. Mudou minha vida na Deutschland!
    Muito obrigado!

    ResponderExcluir
  17. Eu pensava que eu entendia o dativo!
    Não conhecia essa regra de acrescentar um -n ao final dos substantivos no plural.
    Então, pela enésima vez, muito obrigada pelo post! :D

    ResponderExcluir
  18. Excelente suas aulas. Obrigada por compartir.

    ResponderExcluir
  19. Excelente, é incrível como a línguagem, inclusive, me cativa durante a leitura. Sem falar nas explicações bastante esclarecedoras! Vielen danke!

    ResponderExcluir
  20. Muito bom!! Vou recomendar pra um monte de gente. Moro na Austria e estou tendo dificuldades com a lingua.
    Mas esse sue blog eh realmente um achado!
    Grata mesmo :D

    ResponderExcluir
  21. Muito legal! Adorei o blog. Vou compartilhar com varias pessoas :)
    Grata

    ResponderExcluir
  22. Oi Fábio antes de mais nada quero dizer que adoro seu blog, e assim como eu que aprendo alemão em casa sozinho muitas outras pessoas também aprendem e sem você estaríamos perdidos!!
    Faço um curso de alemão pelo BUSUU.COM que é um ÒTIMO site para aprender muitos idiomas e que não eh 100% completo nem ensina a declinar :-D... enfim seu blog me ajuda MUITOOOOOO e é sempre util complementando o que eu aprendo.
    Gostaria muito que você me adicionasse no SKYPE meu nome ta DASMEINLIEBEFARBE
    obs: quando comecei a ter as primeiras noções de alemão eu comecei a colocar senhas e nomes tudo em alemão e agora quebrei a cara com coisas que eu vejo que ficaram erradas =( , por favor não ria do nome do skype kkkkkkkkk QUE DEUS TE ABENÇÕE POR NOS AJUDAR COM O BLOG!! um abraço!!

    ResponderExcluir
  23. Oi Fábio antes de mais nada quero dizer que adoro seu blog, e que assim como eu que estudo alemão em casa, muitas outras pessoas também estudam, e seu blog é A LUZ NO FIM DO TUNEL!!Não vivo sem ele kkkkkkk
    Gostaria muito de conversar com você pelo SKYPE meu nome skype é dasmeinliebefarbe ( quando eu comecei a ter as primeiras noções de alemão eu comecei a colocar alemão em senhas etc kkkkkkkkk, por favor não ria!)
    Auf wiedersehen!!

    ResponderExcluir
  24. Ah Fábio somente esqueci de detalhar!!! o nome Skype é dasmeinliebefarbe e sou
    Francisco Vítor, São Tiago, MG

    ResponderExcluir
  25. O caso do ajudar não é bem diferente do português, é que nós usamos na prática de forma errada. Na verdade, quem ajuda ajuda a alguém, logo, seria objeto indireto. Nós é que não usamos a regência correta e transformamos em objeto direto... rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. quase certo... ajudar é VTDI então:
      eu ajudei 'ele'(OD) 'com as compras'(OI)

      mas ainda podemos lembrar que existe um verbo sinônimo: Assistir(quando for VTI)
      eu ajudei ele = eu assisti a ele

      Excluir
  26. Na parte onde você fala do verbo HELFEN, há outra maneira de pensar.
    Esqueça-se que HELFEN = ajudar;
    mas sim que HELFEN = assistir a (alguém).
    Agora, mesmo em português, ele virou Obj. Ind.
    Ele me ajudou ontem = ele assistiu a mim ontem.
    ajudar(VD)=assistir(VI)

    ResponderExcluir
  27. Na parte onde você fala do verbo HELFEN, há outra maneira de pensar.
    Esqueça-se que HELFEN = ajudar;
    mas sim que HELFEN = assistir a (alguém).
    Agora, mesmo em português, ele virou Obj. Ind.
    Ele me ajudou ontem = ele assistiu a mim ontem.
    ajudar(VD)=assistir(VI)

    ResponderExcluir
  28. Totalmente apaixonado pela língua alemã! Obrigado pelas dicas!

    ResponderExcluir
  29. Muito boas todas as digas obrigado mais tenho outra dúvida na frase... zu mir kommst du am besten auf der Autobahn... porque (der)Autobahn e não (die) Autobahn?

    ResponderExcluir
  30. Gostei muito das dicas obrigado mais tenho uma pergunta por exemplo na frase.... zu mir kommst du am besten auf der Autobahn... porque o (der) e não (die) Autobahn?

    ResponderExcluir
  31. Muito boas todas as digas obrigado mais tenho outra dúvida na frase... zu mir kommst du am besten auf der Autobahn... porque (der)Autobahn e não (die) Autobahn?

    ResponderExcluir
  32. Esse Blog é incrível! Parabéns!
    Sempre entro no blog e saio um pouquinho mais inteligente haha. Obrigada!

    ResponderExcluir
  33. Melhor explicação sobre Dativo que eu já vi, acho q agora finalmente entendi. Você(s) tem um canal no youtube onde explicam essas coisas?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...